24.1.12

De portas fechadas


Tinha mania de fechar tudo, fechava as janelas, tinha medo de abrir a porta para estranhos então mantinha-as sempre fechadas também, mais fechava principalmente o coração, sabia que feridas expostas poderiam acabar infeccionadas e deixar qualquer um entrar seria suicídio, e batia aquele medo desesperador de ficar com um grande e fundo buraco no peito, então lembrava com certa indiferença daqueles que não tinham coração e que por vezes era responsáveis pelos buracos sem fundo. A culpa deve ser toda minha de deixar as pessoas tão a vontade, fazendo as sentir assim, em casa, espalhando coisas, deixando porcarias, fazendo uma bagunça infernal. Pelo amor de Deus, meu coração não é a casa da mãe Joana, ok?!

13 comentários:

  1. mt bom leve engraçado

    falou de sentimento sem ser dramatica gostei primeira visita
    rsrs bjus aquiles fico aqui

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita Aquiles, volte sempre!

      Excluir
  2. Gostei muito do teu blog, entrei aqui atraves de outro blog e gostei de conhecer seu cantinho. Já estou seguindo e te convidando a conhecer o meu também, e se gostar, seguir :)

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    obg pela visita!
    Estou seguindo e adorei aqui também
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Ola flor. Tudo bem? Obrigada pela visita no meu blog, ja estou seguindo de volta.

    Obrigada e volte sempre!!

    Beijocas carinhosas da...
    Fe

    ResponderExcluir
  5. Deixo as portas fechadas, por vezes. Gosto de saber quem tem coragem de adentrar.

    Atualmente, portas abertas. Fica quem quiser, entra quem puder.

    Não ligo se revirarem tudo, até prefiro. Gosto das minhas certezas em xeque-mate. Só não deve faltar sinceridade, senão expulso a vassouradas junto com a bagunça toda.

    Texto doce, gostei.

    =)

    ResponderExcluir
  6. "mais fechava principalmente o coração" preciso aprender a trancar o meu tbm!
    seguindo aqui flor, és sempre bem vinda em meu blog!
    bjs:*

    ResponderExcluir
  7. Oi, maíra. Obrigada pela presença no meu blog. Já estou aqui também, viu? Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Ouwn queriiiida, a vida é assim mesmo.. mas você é a única pessoa que pode ajudar seu coração e permitir entrar só quem merece née? Embora seja tão difícil...

    Vim agradecer a visita e o carinho no meu blog e já aproveito pra ficar. Adorei tudo por aqui... além de fofo é muito interessante. Parabéns.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. ''A culpa deve ser toda minha de deixar as pessoas tão a vontade.'' Pois é, se alguém faz algo conosco é porque demos devida liberdade para fazer.

    obrigada pela visita, gostei muito daqui e também estou lhe seguindo. =*

    ResponderExcluir
  10. Coitada da Mãe Joana, ela também deve sofrer. Mas é isso mesmo, assim como nossas vidas, nosso coração tem sempre que ser bem habitado. Seguindo.

    ResponderExcluir
  11. ai acabamos nos fechando de mais... temos que saber até onde podemos ir.

    meumundoloove.blogspot.com
    avidadelaari.blogspot.com

    ResponderExcluir

Se sinta a vontade para comentar e dar sua opinião, fico grata por sua visita, volte sempre!