22.1.12

Amar é um ciclo


Eu precisei de tempo para entender que não se precisa do outro para se sentir completa, é preciso se ter, se achar, se encaixar estar inteiramente e depois encontrar ou não um complemento para fazer da vida mais interessante, talvez nos encontremos daqui alguns anos por aí, a vida é inserta de mais, e sempre me surpreendeu muito, eu fiz o que estava ao meu alcance lutei de verdade para que as coisas fossem diferentes e não acabassem assim, ou melhor, que não acabassem, fiz a minha parte, não fiquei parada na janela vendo a vida passar lá fora longe do meu alcance como é de meu feitio, mais não foi suficiente, nos perdemos, e hoje eu entrego tudo nas mãos de Deus, o que é meu está guardado, e de alguma forma chegará ate mim, já não duvido de mais nada! Foi depois de tudo já acontecido que eu entendi que um amor morre, e outro nasci, e esse é um ciclo interminável!

8 comentários:

  1. Nossa adorei o texto , se der passa no meu blog , e vote no seu blog preferido na enquete , vai ser uma honra ver você lá .
    http://perfeitinha-blog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Que lindo texto, e com uma realidade incrível. As vezes é assim mesmo Maíra...mas é como você disse no final do texto 'um amor morre, e outro nasce'...e o que é seu está guardado com certeza!

    Beijos, Káh
    @ http://queridaramone.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Fiquei apaixonada pelo o teu texto. Como você viu no meu blog, eu e minha amiga, adoramos escrever, e obviamente ler textos como os seus. A realidade sempre vista. Meus parabéns pelo texto e pelo blog.

    Já estou lhe seguindo, viu?

    Te espero lá:

    nemsemprerealidade.blogspot.com ;33

    ResponderExcluir
  4. Olá!Claro que sigo!
    Muito obrigada ,seu blog é lindo
    Bjus,sucesso!
    :D

    ResponderExcluir
  5. Estou seguindo aqui.
    Valeu a visita..
    Volte sempre;;

    http://umdiariosobreminhavida.blogspot.com/
    @ChayLoucura_

    ResponderExcluir
  6. Depositar toda sua felicidade no outro é arriscado. É castelo de areia que o mar carrega.

    Amor próprio, não existe nada mais necessário.

    Depois, nem amar o outro conseguimos se não pudermos ser feliz sozinhos.

    Obrigada pela visita e parabéns pelo espaço.

    ResponderExcluir
  7. Olá.. Ainda bem que e assim, caso contrario morreriamos tb e por continuarmos a vida tem graça!!! Adorei aqui...To seguindo se possivel segue de volta...

    Bjks
    Daiana – Dias Melhores para Sempre!
    http://daidesiderio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. A verdade é essa mesmo: as vezes fazemos tudo para manter as coisas sempre boas, principalmente em um relacionamento, mas nem sempre isso é suficiente. Mas eu ainda acredito que o quer tiver que ser, será.

    http://cafecomversosavulsos.blogspot.com

    ResponderExcluir

Se sinta a vontade para comentar e dar sua opinião, fico grata por sua visita, volte sempre!