27.1.12

O fantasma do amor passado



Um dia você irá ao meu encontro para pedir que as coisas voltem a ser como antes e então esquecerei de ser uma boa garota e virarei as costas exatamente como fizestes. Lembra? Tenho certeza que sim, foi um dia difícil aquele, o dia em que você se tornou um fantasma na minha vida, passei a vê-lo em todos os lugares e as pessoas na rua tinham o teu rosto, era assustador não ter pra onde fugir, tomei todos os remédios para dormir, só dormindo eu tinha um pouco de paz, fugindo um pouco da realidade (isso quando não sonhava com você e acordava em prantos no meio da noite). Mas o tempo passou e eu me tornei boa o bastante, mulher o bastante para te negar aproximação. Não é que o tempo cura tudo, é que a dor é como uma droga, depois de um tempo não faz mais efeito porque nos tornamos imunes, nosso corpo acaba por suportar, é só uma questão de adaptação. Agora eu posso dizer que você é só um fantasma que me atormentou por muito tempo e eu sou uma garota prestes a ser feliz porque você não passa de uma lembrança enterrada, de um fantasma que não me assusta mais. Adeus fantasma do amor passado!

18 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Flor, adorei o blog, já estou seguindo. Você escreve muito bem. ;)
    O bom de falar o que a gente pensa e sente é toda essa sensação de liberdade única!
    Sinto muito ir contra a propaganda de cartão de crédito, mas taí uma coisa que nem Mastercard pode comprar: o prazer de escrever.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  3. Realmente, toda dor passa.
    E todo fim de relacionamento, com amor ainda presente, sempre sai uma parte mais abalada que a outra. Tudo muito normal! A gente deve amar, mas com os pés no chão, porque como é sabido, nada é para sempre.

    Beijos!
    Até mais!

    ResponderExcluir
  4. já te sigo :) com todo o gosto. obrigada pelo comentário e volta sempre que quiseres (:

    ResponderExcluir
  5. Adorei seu texto de amor. Todas as pessoas passam por esse tipo de amor e, fica tão reconfortante ter pessoas que escrevem sobre o tema de desmanche. Aposto que se alguém sofria por isso e leu se texto com certeza ficou com o dia mais leve... Beijos linda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amanda obrigada por passar por aqui! Meu objetivo mesmo é esse, compartilhar meus textos e poder ajudar reconfortando as pessoas com as minhas palavras. Volte sempre querida!

      Excluir
  6. obrigada pelo comentário, também gostei muito do teu blog. vou seguir também :))

    ResponderExcluir
  7. Obrigada linda, mas às vezes faz mal esperar que seja o outro a tomar a iniciativa.
    Gostei muito!

    ResponderExcluir
  8. muito obrigadaa!
    o teu blog está lindo*

    ResponderExcluir
  9. gostei muito do que li!

    e estou seguindo também!

    ResponderExcluir
  10. oi oi , tudo bem com vc ? :D
    sou péssima pra puxar conversa , mas agora ja foi! kk

    ResponderExcluir
  11. Oh, identifiquei-me tanto com este texto!
    Força :)

    ResponderExcluir
  12. Cara amei muito o seu texto, bem lindo mesmo. E realmente como você disse: o tempo ele não cura tudo...mas faz com que essa dor se adormeça e vc se torne imune à ela. Amei muito seu texto, sério mesmo! Parabéns....

    Beijos, Káh.
    http://queridaramone.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownh Káh que bom que tenha gostado *-*
      Volte mais vezes! Sempre tem textos novos!
      Obrigada por passar aqui!

      Excluir
  13. Adoro textos que passam o sentimento do autor ! Lindo, sincero e verdadeiro ! Adorei :D

    ResponderExcluir

Se sinta a vontade para comentar e dar sua opinião, fico grata por sua visita, volte sempre!